Análise do Capítulo 56 de Boruto

Boruto: Naruto Next Generations/ Todos os direitos reservados

Após uma batalha feroz contra Isshiki Ootsutsuki, Boruto é entrevistado pela TV Konoha sobre os seus feitos em batalha – porém, o próprio cita que não pôde fazer nada durante o confronto e é perceptível o seu receio em informar como conseguiu retirar o inimigo da vila – o Karma ainda é tratado como sigilo de Estado, para se evitar pânico.

Enquanto isso, o braço de Kawaki é colocado por Amado, que explica que aquele  procedimento só é possível devido a alguns traços da genética do rapaz, como também pela sua modificação com ferramentas ninjas-científicas – o corpo de Kawaki, por isso, não rejeita a peça.

Boruto: Naruto Next Generations/ Todos os direitos reservados

O cientista em asilo e monitorado por Katasuke, faz um pedido bastante curioso: transformar Sumire em sua assistente, devido às suas pesquisas como também para manter alguém por perto para tirar dúvidas em relação à recuperação. 

Kawaki então aparece chegando subitamente sobre o Monumento dos Hokages, onde está Boruto (essa cena é uma baita referência ao capítulo 1). Kawaki queria conversar com o irmão, Boruto, sobre algo que pensou acerca do Karma: dele passá-lo adiante, para que pudesse escapar de um sacrifício. Algo nos diz que esse método será importante no futuro… 

Boruto: Naruto Next Generations/ Todos os direitos reservados

E então nos é revelado que havia uma última cobaia sobrevivente do ritual do Karma, que em breve ambos acabariam tendo que enfrentar pelo uso da Árvore Divina: Code, inner da Kara.

Boruto: Naruto Next Generations/ Todos os direitos reservados

No momento, em um país congelante, Code está próximo ao esconderijo de descarte da Organização Kara, à procura de alguma coisa importante para o seu plano. É visto que existem vários portais em determinadas áreas que permitem o acesso à dimensão especial dos Ootsutsuki – o Karma branco não possui a habilidade de ninjutsu de espaço-tempo (pelo menos, não por enquanto). A instalação servia como um local para armazenar os ciborgues criados por Amado. 

Durante uma batalha – ganha – na neve entre Code e os guardas do local, vemos as suas “garras modificadas” pelas ferramentas ninjas-científicas e o Karma branco sendo ativado, o que dá um enorme fortalecimento a Code, que revela uma técnica nova incomum: o lançamento de “faixas pretas”, que permitem que seu corpo se mova “por dentro” para chegar ao inimigo.

Boruto: Naruto Next Generations/Todos os direitos reservados

Amado explica que Code é muito superior a Jigen em força, mas que adorava e era devoto pela figura dos Ootsutsuki – talvez seja explicado no anime como o personagem começou a ter empatia com o objetivo de Isshiki. Amado ainda diz que existem limitadores que o impedem de revelar o seu verdadeiro poder, e que somente o cientista pode retirá-los. 

Lemos que a reunião dos Kages será realizada em breve para debater sobre os últimos acontecimentos, e enquanto isso, Boruto e Kawaki decidem começar a treinar para se fortalecer contra o inimigo, que está visando ambos para um alimentar a Árvore Divina.

Boruto: Naruto Next Generations/Todos os direitos reservados

Ao final, Code finalmente acessa o esconderijo de Boro, e localiza um compartimento que guarda o corpo de uma ciborgue, que o próprio nomeia de Ada – “Aquela que sabe tudo desse mundo”, transmitindo a nós que uma personagem imponente está por vir…

Boruto: Naruto Next Generations/Todos os direitos reservados

Foi um ótimo capítulo, repleto de diálogos e reflexões reveladoras que nos fazem pensar sobre o futuro da obra 👀

NOTA DO AUTOR(A)

As informações contidas nesta postagem são apenas para fins de informação geral. As informações são fornecidas pela Boruto Explorer e enquanto nos esforçamos para manter as informações atualizadas e corretas, não fazemos representações ou garantias de qualquer tipo, expressas ou implícitas, sobre a integridade, precisão, confiabilidade, adequação ou disponibilidade de a fins.