Resenha – Naruto Shinden: dia da família

Nada melhor que passar um dia com quem amamos, não é mesmo? Em Konoha não foi diferente (ou foi?).

Confiram essa resenha maravilhosa da Novel “Naruto Shinden – Dia da Família”.

A vida de quem trabalha para manter todos a salvo, principalmente a família, é árduo e sacrifícios são feitos para isso. Com a intenção de “dar folga” àqueles que se sacrificam para cuidar da vila, inclusive ele próprio, Naruto então determina um feriado – o dia de pais e filhos -, para que todos os pais pudessem estar com seus filhos e é claro, com suas famílias.

A ideia no começo era estranha, mas era possível notar que muitos iriam aproveitar esse momento com quem amam até o último minuto.

A novel é dividida em quatro capítulos que descrevem os momentos de interação entre Naruto e seus filhos, Chouji e Cho-Cho, Hiashi e suas filhas e por fim, Sasuke e Sarada, além de pequenos contos paralelos de Aburame Shino. Tivemos esses momentos retratados em episódios no anime, mas vale muito a pena ler a descrição de cada momento na novel.

O epílogo da novel carrega uma conclusão de tudo que aconteceu, além de reivindicações por parte da população de que outros feriados poderiam ser criados.

Cada capítulo tem uma riqueza de detalhes que não apareceram nos episódios do anime. Vale muito a pena poder ler cada capítulo na íntegra.

Nada mehor que um incentivo a leitura, não é mesmo?

Fiquem atentos às próximas resenhas!!!

NOTA DO AUTOR(A)

As informações contidas nesta postagem são apenas para fins de informação geral. As informações são fornecidas pela Boruto Explorer e enquanto nos esforçamos para manter as informações atualizadas e corretas, não fazemos representações ou garantias de qualquer tipo, expressas ou implícitas, sobre a integridade, precisão, confiabilidade, adequação ou disponibilidade de a fins.